domingo, 8 de abril de 2018

Resenha - Não Me Conte Sobre o Fim


Livro: Não me Conte sobre o Fim
Autor: Burton Clark
Editora: Independente (formato e-book)
Páginas: 97 páginas
Nota:★★★★

Sinopse: Preso entre a década de 1990 e os dias atuais, Adam Toher vive o sonho bem sucedido de sua carreira literária e o pior pesadelo de sua vida, a perda do que lhe era mais importante.
Agora ele precisa resolver questões não respondidas, entender o que se passa à sua volta e equacionar na matemática da vida os ganhos e perdas que terá de enfrentar. Entre lembranças e os sons e aromas estranhos, Adam tem um futuro do qual não quer encarar, mas acaba por descobrir que a fé pode providenciar a melhor versão de um mundo perfeito composto por coisas imperfeitas.

Há alguns sentimentos contidos neste livro qual me foge palavras para descrever. Pois é através do personagem Adam que todos nós nos enxergamos quando passamos por perdas tão dolorosas como a dele, como perder um ente querido, a dor é inevitável, o sentimento de impotência nos evade e não temos qualquer tipo de reação, passamos por todas as fases do luto e muitas vezes ficamos ‘emperrado’ na fase da negação. E quando menos esperamos começamos pelas lembranças que nos levam a aromas e alguns feitos no qual pensamos será que é verdade ou imaginação. 

A história se passa entre o presente e o passado de Adam com sua adorável esposa no qual se conhecem na época do colégio e desde então estão juntos, um amor que ultrapassa qualquer tipo de barreira e que nos faz suspirar em diversos momentos nos flash back de suas lembranças.

O final do livro é de arrebatar qualquer mente do leitor, esse escritor conseguiu levar a minha mente a diversos finais o que é surpreendente, esse livro entra para o TOP 10 do ano. Espero poder encontrar mais livros desse autor, pois me conquistou. 

Se eu recomendo esse livro? Diria que se torna uma leitura obrigatória para os leitores que amam histórias que nos fazem pensar se a morte é realmente o fim de tudo, ou apenas uma fase de transição, calma pessoal não é um livro espírita, mas um romance que ultrapassa as barreiras do amor além da vida e nos pensar será que real ou apenas a minha imaginação?

“Se eu sou sua sensatez, você é o meu desequilíbrio”



E você, tá lendo?

Link para compra do ebook:






Nenhum comentário:

Postar um comentário